Sua versão do navegador está desatualizado. Recomendamos que você atualize seu navegador para uma versão mais recente.

Compartilhe


A arte de pescar e a andragogia

Postado 2018/09/08

 

A arte de motivar os adultos pode ser comparada ao exercício da pescaria. Quando nos referimos então aos treinamentos corporativos, esta pescaria pode ser medida pelo conteúdo da cesta do “pescador” após terminada sua tarefa. Estarão dentro da cesta, aqueles colaboradores entusiasmados e comprometidos a colocar em suas rotinas o que foi apresentado, discutido e experimentado nos treinamentos. Estarão fora da cesta, nadando no oceano, aqueles que não foram “fisgados” ...

Leia o resto desta entrada »

Valorização profissional e empreendedorismo

Postado 2018/09/03

 

Em 2016, fui chamado para dar uma palestra sobre valorização profissional e empreendedorismo para um grupo de farmacêuticos do IABAS. Evidentemente, foquei sobre a profissão farmacêutica à luz do entendimento do como valorizar-se e do como empreender-se no caminho do sucesso, em cenários de dificuldades e riscos. Farmacêuticos compuseram o público, no entanto, o conceito eu sempre transmiti para todos os profissionais com os quais pude lidar, uma vez que sua base serve para qualquer pessoa.

Leia o resto desta entrada »

Quantos cliques vale a sua reputação?

Postado 2018/08/25

 

Quando falamos de ética e de integridade...

Leia o resto desta entrada »

O "Benchmarking" em Treinamentos Corporativos

Postado 2018/08/22

 

A nossa pesquisa sobre treinamentos corporativos através de um processo de “benchmarking”, ora em andamento, já desenha um quadro amplo a respeito de uma atividade extremamente importante para muitos segmentos de negócio, alguns deles, inclusive, tendo o treinamento corporativo não somente como estratégia de sucesso, mas como uma exigência compulsória de caráter governamental.

Leia o resto desta entrada »

Os benefícios de um cuidado externo

Postado 2018/08/16

Uma visão externa e qualificada na análise e tratamento de desvios da qualidade pode ser a resposta para muitos problemas da qualidade, em empresas de medicamentos de uso humano e outras que convivem com as exigências regulatórias exaradas por agências governamentais e por ministérios.

Leia o resto desta entrada »

Por favor, deixem ligados os celulares.

Postado 2018/08/14

Os estímulos externos sempre atuam como elementos sabotadores em reuniões corporativas e treinamentos “in company”, distraindo a atenção dos adultos, levando seus pensamentos para outros lugares que não o foco tratado pelo moderador ou instrutor.

Leia o resto desta entrada »

Eu acredito em Você!

Postado 2018/08/07

Uma reclamação que chega à empresa é um voto expresso de confiança do cliente e do consumidor aos cuidados e as medidas que seus técnicos e gestores tomarão em função de tão relevantes informações. 

 

Leia o resto desta entrada »

O desenho das salas de treinamentos corporativos - Parte 1

Postado 2018/07/31

 

As áreas e salas podem influenciar nos resultados dos treinamentos corporativos? Existe a melhor área ou a melhor configuração para treinamentos dedicados a adultos e realizados dentro de empresas? Devemos escolher um tipo de área de uma configuração específica conforme o tema a ser trabalhado, conforme o conteúdo programático e até mesmo conforme o perfil do público alvo?

 

Nesta sequência de artigos discorreremos sobre este assunto com um olhar crítico sobre cada tipo de ambiente e configurações, sempre à luz da andragogia. Pretender provocar um repensar sobre esta questão não a encarando como o pilar de sucesso de um treinamento corporativo, mas como um relevante aspecto que devemos levar em conta em nossos eventos com adultos.

 

Leia o resto desta entrada »

O tempo de atenção de um adulto

Postado 2018/07/29

 

Alguns estudiosos questionam sobre o tempo limite de concentração de um adulto em determinado tópico. Podem existir muitos números diferentes, mas o mais importante é a discussão em si deste tema e como poder extrair dela os benefícios em treinamentos.

Leia o resto desta entrada »

E aí?... Deixa passar?...

Postado 2018/07/22

 

Não existe mais espaço, em empresas que dizem operar de acordo com as Boas Práticas, para deixar de investigar resultados fora de especificação ou resultados indesejáveis. Por maiores que sejam as pressões de produção e de vendas, os técnicos envolvidos em todos os processos têm de se debruçar sobre os resultados fora dos parâmetros, buscar suas causas raízes, propor ações corretivas e preventivas no sentido de minimizar as reincidências. Embora seja uma atividade extremamente instigante para alguns, este tipo de tarefa muito longe está de ser sempre fácil e muitas vezes exigirá muito tempo para o trabalho de análise e solução do problema. 

Leia o resto desta entrada »